Data Chave

O que é preciso saber sobre a segurança e o sistema de saúde portenho

Você sabia que somos a cidade mais segura da América Latina segundo "The Economist Safest Cities Ranking 2018"?  É isso, mas como toda metrópole tem algumas dicas que você precisa conhecer. Além disso, saiba que tipo de plano de saúde é conveniente contratar de acordo com o tempo que decidir ficar. 

 

Imagen de artículo

Algumas dicas

Não deixe sacolas ou bolsas penduradas nas cadeiras de lugares públicos. Fique de olho! A cidade é muito linda e às vezes você pode se distrair em algum must arquitetônico ou em algum festival. Por isso, em lugares com muitas pessoas, preste atenção ao usar o seu celular para se prevenir dos ladrões. 

Não há problema em comer nas barraquinhas ou foodtrucks de rua desde que eles estejam habilitados (a maioria está, procure o certificado de habilitação e pronto).

Dado importante: a noite portenha é uma das melhores do mundo. Ela é longa, muito divertida e intensa. Porém, é muito importante você ter cuidado com o consumo de álcool. Seja responsável para se cuidar e para cuidar dos outros. 

 

No momento de se deslocar

Leve em conta que em Buenos Aires vivem uns 3 milhões de habitantes e tem muito trânsito. Por isso, sempre é importante estar atento ao atravessar ruas e avenidas, especialmente à noite! Olhe bem para ambos os lados, até em ruas de mão única porque como é uma cidade bike-friendly, tem ciclovias e elas são de mão dupla. Se você gosta de andar de bicicleta, use sempre capacete e respeite os sinais de trânsito.

Não ande à noite por ruas pouco iluminadas, tome táxis habilitados ou se preferir aplicativos, use BA Taxi ou Cabify (lembre-se que Uber é ilegal e, portanto, não tem controles de segurança).

Agasalhe-se bem durante os dias frios de julho e, nos dias de muito calor, por exemplo em janeiro, tente não fazer atividade física demais. O resto do ano, aproveite os parques da cidade para correr, andar de bicicleta ou patinar. Conheça a cidade e cuide-se!

 

Telefones úteis

Esperamos que isso não aconteça, mas caso você sofra um roubo ou precise de ajuda, conte com a rede de segurança e emergências do Governo da Cidade:

  • Episódios de delinquência: ligue para o 911. Caso precise de ajuda em inglês, português ou francês solicite ser comunicado com a Polícia do Turista, que poderá falar com você nesses idiomas.
  • Emergências médicas na via pública: ligue para o 107. É o telefone do Serviço de Atendimento Médico de Emergência (SAME) que, aso ocorra algum imprevisto, você será assistido o mais rápido possível.
  • Episódios de violência de gênero: Através da linha 144 especialistas oferecem atendimento a mulheres vítimas de violência de gênero durante as 24 horas, os 365 dias do ano. Eles oferecem informação, contenção e assessoramento a todas as horas.

 

Saúde 

Se você vem por menos de um ano, é importante viajar com um seguro de assistência ao viajante, para estar protegido durante a sua estada. Se você não tiver contratado antes da sua chegada, poderá contratá-lo em Buenos Aires: Universal Assistance e Assist Card são duas das empresas mais reconhecidas. Uma vez contratado, eles te informarão para que telefone você precisa ligar caso precise de assistência médica. 

Se você escolheu Buenos Aires para estudar durante mais de um ano, poderá contratar um plano de saúde, que por um pago mensal oferece um serviço delimitado de prestações médicas.

De qualquer maneira, caso você tenha uma emergência, poderá ser atendido pelo sistema de saúde pública, sem custo adicional.

 

También te puede interesar

Como alugar sem garantia

Com Garantia BA você pode alugar sem a necessidade de possuir uma proprietária.  

Como abrir a sua conta de banco

Descubra de que forma pode abrir a sua conta bancária em Buenos Aires e aproveite todos os benefícios. Seja receber dinheiro internacional, seja usar os caixa...

Dicas para se deslocar em transporte público

Como chegar desde o aeroporto até a cidade, que cartão você precisa para utilizar o nosso sistema de transporte, onde consultar os percursos que você deseja...